sexta-feira, 31 de julho de 2009

O mais lido do Cariri


Inscrições para eleição do Conselho Tutelar se encerram dia 5

As inscrições para a eleição do Conselho Tutelar se encerram na próxima quarta-feira, 5. São cinco vagas e assumem cargo de conselheiros> aqueles que atingirem os cinco maiores números de votos. Quem estiver interessado em concorrer deve se apressar uma vez que é exigida uma série de condições para efetivar a candidatura.

Podem concorrer pessoas maiores de 21 anos de idade, ter idoneidade moral comprovada através de documentos emitidos pela justiça local como, por exemplo, certidões negativas de antecedentes criminais da Justiça Criminal Estadual e Federal, e certidão negativa do cartório de> distribuição do município de Taperoá, conforme cita o inciso III do artigo 7º do edital de eleição do CT.

É preciso também que o candidato resida pelo menos há três anos na cidade, o que pode ser comprovado através de contas de água, luz ou telefone, e possuir escolaridade correspondente ao ensino fundamental completo. Após reunir toda a documentação necessária, o concorrente deve ir até a sede da Prefeitura Municipal, localizada na avenida Ariano Suassuna, centro da cidade, e fazer a inscrição.

Jandro Gomes

Vital Filho solicita votação de Projeto que regulamenta atividade das Agências de Viagens e Turismo no Brasil

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) deu entrada em requerimento que solicita da Câmara Federal a inclusão, na pauta de votações, do Projeto de Lei nº. 5.120, de 2001, que dispõe sobre as atividades das Agências de Viagens e Turismo. A matéria, de autoria do deputado federal Alex Canziani (PSDB-PR), tramitou em várias comissões, foi ao Senado e agora retorna à Câmara.

Vital lembrou que a matéria foi ao Senado e retornou à Câmara com emendas, tendo sido cumprido o trâmite na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, onde ele foi o relator. Vitalzinho emitiu parecer pela aprovação, que ocorreu de forma unânime, levando em conta a “constitucionalidade, juridicidade e técnica legislativa das Emendas do Senado Federal de 1 a 5 e de 7 a 12; e pela injuridicidade da Emenda 6”.

Ele lembrou que no dia 27 de maio foi encerrado o prazo automático para apresentação de recursos. “Com isso, o projeto pode ser incluído na Ordem do Dia, já que a matéria abordada é de grande relevância para todos os profissionais e setores envolvidos com as atividades das Agências de Turismo no país”, disse Vital Filho.

‘Qualidade e segurança’

Na CCJ, Vital entendeu que a regulamentação prestigia a especialização e qualificação para o prestador de serviços turísticos, em benefício do mercado e dos consumidores. “Quem não for credenciado pelo Ministério do Turismo não poderá atuar”. Para ele, a regulamentação trará mais qualidade e segurança. “As agências passam a responder pela qualidade da informação prestada ao consumidor e dá a ele mais garantias legais”.

As agências de viagem são intermediadoras de serviços e o Código Civil não as inclui entre empresas responsáveis objetivamente pelos serviços intermediados. “Prestadores de serviços diretos, como transportadores, hoteleiros, concessionários de serviços públicos, são quem devem responder objetivamente, de acordo com a lei específica, por danos nos respectivos contratos”, disse.

“A regulamentação esclarece esses pontos obscuros nas relações comerciais entre consumidores e agências, redistribuindo essas responsabilidades entre todos os componentes da cadeia”, afirmou Vital Filho. Ele destacou que 95% das agências brasileiras são micro e pequenas empresas, com menos de dez empregados. 52,4% são filiadas à Associação Brasileira de Agências de Viagem – ABAV e têm faturamento de até R$ 200 mil (em comissões).

“Além disso, 52 segmentos da indústria de turismo são impactados pela prestação de serviços das agências. A cadeia de serviços que é levada ao consumidor pelos agentes brasileiros movimenta algo em torno de R$ 60 bilhões por ano”, afirmou.

Profissão

Vitalzinho também apresentou na Câmara o Projeto de Lei 4078/08, que regulamenta o exercício da profissão de agente de turismo. Pela proposta, para exercer a profissão será preciso portar diploma de curso de nível superior de bacharelado em turismo, ou certificado em curso de nível médio ou técnico. Na opinião de Vitalzinho, “o agente de turismo deve ser valorizado por ser o motor do mercado de turismo”.

A proposta tramita em caráter conclusivo e já recebeu parecer favorável na Comissão de Educação e Cultura. Ela ainda será analisada pelas comissões de Turismo e Desporto; de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Advogado confirma: parecer do MP que pede casacão de Veneziano é nulo e inexistente

O advogado Carlos Fábio confirmou no início da tarde desta sexta-feira que o suposto parecer apresentado pelo promotor Joaci Juvino da Costa Silva nesta manhã é totalmente nulo. Ele elencou diversos motivos para apresentar a nulidade do documento, inclusive a decisão do juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública de Campina Grande, Francisco Antunes Batista, que determinou a anulação de parte do processo referente de caso “Bolsa Família” de Campina Grande.

Segundo Carlos Fábio, o parecer do MPE sobre a cassação “não tem valor algum, é inexistente”, pois desrespeitou os tramites jurídicos. “O Ministério Público não pode apresentar parecer porque ele é parte integrante do processo. Só apresenta parecer a parte que é considerada, em termos jurídicos, ‘fiscal da lei’ no processo, e não o integra”.

Carlos Fábio também disse que este documento não pode ser considerado ‘alegações finais’, pois isto só ocorre quando as partes de um processo são ouvidas. “O Ministério Público Eleitoral sequer foi instado a apresentar parecer e as partes não foram chamadas a apresentar suas alegações. Então, é de se estranhar este documento. Não é parecer, não é alegações finais, o que é, então?”, questionou o advogado.

Carlos Fábio também lembrou que já está comprovado, junto ao Governo Federal, que não houve ingerência no programa e que o prefeito não agiu de forma irregular, o que não justifica o documento apresentado pelo MPE. “Tudo é muito estranho, porque o processo é frágil, foi feito com provas armadas, o Ministério Público foi induzido ao erro e, pelo que vemos, continua sendo induzido”.

Justiça anula atos do processo

Por outro lado, o juiz da 16.ª Zona Eleitoral de Campina Grande, Francisco Antunes Batista determinou a anulação de parte do processo referente ao caso. Ele se baseou no fato de que um dos advogados da parte acusada não havia sido intimado em março deste ano.

Com a decisão do juiz, todos os atos processuais desde o mês de março foram anulados, inclusive o documento juntado ao processo pelo promotor Joaci Juvino da Costa Silva nesta sexta-feira.

Além de estranhar a juntada do documento, Carlos Fábio disse que vai analisar o porquê de o promotor ter tomado tal decisão, totalmente em desacordo com os preceitos jurídicos. “Se o órgão não pode apresentar parecer por ser parte integrante do processo, nem as alegações finais, levando em consideração que as partes não foram intimadas para apresentar as alegações finais, é de se estanhar que tenha publicado este documento”, afirmou.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Coletivo do Cariri Oriental realiza Festa da Agricultura Familiar em Alcantil

As entidades do Coletivo de Agricultores e Agricultoras do Cariri Oriental realizarão em Alcantil a Festa da agricultura familiar, em evento que acontecerá nos dias 07 e 08 de agosto naquela cidade.Stúdio Rural visitou Alcantil na última quarta-fera(22) e conversou com a representante do CASACO, Coletivo da Agricultura Familiar do Cariri Oriental, agricultora Maria do Socorro Silva de Sales(foto), que falou sobre o trabalho e preparação desenvolvida para que agricultores e comunidades daquele e outros municípios da região caririzeira possam expor experiências bem sucedidas a partir de atividades e ações integradas com tecnologias apropriadas em pequenas propriedades da região semiárida paraibana.

“Está tudo planejado, já estamos com as metodologias todas encaminhadas, apesar de que em questão de infraestrutura ainda tem muita coisa pra encaminhar, mas todos os municípios já estão mobilizados, se preparando pra vir com suas caravanas, o Folia(Fórum das Entidades do Agreste Paraibano) da região do Agreste também vai está participando de todos os momentos de formação como também no dia da festa e a gente acredita que vai ser um encontro muito rico, de muita formação, muito sensível e também é um momento onde a gente vai está divulgando as ações da ASA(Articulação no Semiárido) na região e no município de Alcantil onde tem muitas pessoas que ainda não conhecem o trabalho, mas a gente está aí e com certeza vai ser um momento muito importante para os agricultores da região e principalmente do município de Alcantil”, explica Socorro Sales.

Aquela liderança disse que a Festa da Agricultura Familiar representa uma vitrine onde estarão expostas ações concretas de convivência com o semiárido a exemplo de trabalhar o processo de cultivo e conservação de cultivares para alimentação animal, experiências com bancos das sementes da paixão, manejo dos recursos hídricos na propriedade familiar e na residência dentre outras ações que já vem sendo trabalhadas em parceria com as entidades da ASA Paraíba e garante que um grande número de municípios estarão presentes no evento.

“Vários municípios estarão presentes, somos onze municípios do CASACO e mais seis do FOLIA onde três municípios já tem confirmada a participação e os outros já estão se mobilizando e daqui pra lá a gente vai ter um maior número de municípios participando deste encontro”.

Socorro disse acreditar que cerca de 400 agricultores estejam presentes no evento que serão, em grande parte, compartilhadores e extensionistas das experiências que já apresentam resultados eficientes na pequena propriedade rural.

Fonte: Stúdio Rural

1ª Etapa da Copa Cariri 2009 em Sumé


A cidade de Sumé sedia a partir do dia 08 à 09 de agosto (sáb/dom), a 1ª Etapa da Copa Cariri de Tênis de Mesa 2009, que será disputado no Colégio Estadual de Sumé e que reunirá os principais mesatenistas da região.

Presenças confirmadas de Sumé, Monteiro, Prata e Amparo. As inscrições poderão ser realizadas até o dia 4 de agosto e será oferecida hospedagem gratuita aos participantes. Para essa 1ª etapa são aguardados mais de 50 mesatenistas, divididos nas seguintes categorias:
Mirim, Infantil, Juvenil, Juventude, 2ª Divisão, 1ª Divisão, Aberto Feminino, Veterano, Duplas (masc/fem/mista). O campeão da 1ª Divisão levará premiação de R$ 150,00, de R$ 75,00 para o 2º lugar R$ 75,00 e R$ 30,00 para os dois terceiros colocados.
A programação da competição terá início no sábado À noite ocorrerá o desfile da Garota e Garoto Alternativo no Netão. No domingo de manhã terá continuidade dos jogos e tarde encerramento e premiações no colégio.
Segundo adiantou Edjaelson Freitas, organizador da Copa Cariri, além de ser um torneio importante para o calendário esportivo não só municipal como regional, a Copa Cariri de Tênis de Mesa pode ganhar uma importância ainda maior. A partir dessa etapa, será reiniciado e re-divulgado o Ranking do Cariri de Tênis de Mesa.
Já está confirmada a segunda e terceira etapas respectivamente em Monteiro e Prata nos finais de setembro e outubro. Depois dessas etapas individuais e de duplas. No final do ano ocorrerá a Primeira Copa Cariri de Tênis de Mesa de Equipes em Sumé, onde jogarão os três melhores de cada cidade e conheceremos o grande campeão do ano.
Essa Etapa conta com apoio das principais empresas e pessoas importantes da região, sendo elas: Deputado Quintans Trabalho tem nome, Secretarias de Esportes de Sumé, Amparo e Monteiro, Moveletro, Alcantara Sumé, Lojas Lúcio Sport, Lojas Olindina, Supermercado e Avícola Central, Sumé Farma, Farmácia Soares, Sport Motos, MotoPeças Sumeense, Panificadora Dona Bina, Panificadora Pães & Cia, Novo Posto Zé Bola, Cazo – representante Pablo Medeiros, CaririWeb, RedePE, Forrozão Red Bull, CredAmigo, EdGraf & PapeLaria Central, Rádio Cidade e Rádio Alternativa, Proserv e Prime Veículos, N&E Informática, ContAB e Formosa Balas.Informações/inscrições: djaelsonfreitas@hotmail.com / 3353 2372 / 9962 8900.

SEBRAE e Instituto Soma apresentam nesta terça-feira, 28, em Taperoá projeto de desenvolvimento para o cariri paraibano

A gestora do Projeto de Turismo e Cultura do Cariri do SEBRAE, Rosa Maria Correia, e Arnaldo Júnior do Instituto Soma, realizam a partir das 11h30 desta terça-feira, 28, na sede do Telecentro, amostra do projeto ‘Encontro dos Povos do Cariri’, feito em parceria pelas duas entidades.

A proposta consiste numa ação de integração regional a ser realizado através de um conjunto de atividades culturais, econômicas, produtivas, educacionais, esportivas, turísticas, sociais, ambientais e tecnológicas.O objetivo geral é o de promover ações indutoras ao desenvolvimento sustentável do Cariri, pelos caminhos da cooperação, inovação e empreendedorismo.

O município de Taperoá é um dos contemplados nesta ação e no final da manhã dessa terça-feira será palco da reunião com Rosa Maria e Arnaldo Júnior que aprofundarão as idéias do projeto em um tempo estimado de 60 a 90 minutos para uma platéia formada por representantes do governo municipal, e de setores como cultura e esporte da cidade.

* As outra imagens são do guia das inscrições rupestres encontradas na zona rural de Taperoá, Wanderley. Logo abaixo de sua foto, há a apresentação do grupo de coral infantil 'Anjos do Cariri'.

E por último, acima, a imagem de um dos mais antigos, talentosos, e persistentes, artistas de nossa terra, o sanfoneiro Martinho Silveira, que rejeita quem o chama de 'Martim Cego', como de fato é conhecido pelos taperoaenses. Se ele não quer que seja chamado assim, nós, seus admiradores acatamos sua decisão, até porque o que nos interessa é sua música!

Quintans pede voto de aplauso da Assembléia para policiais que prenderam fugitivos da cadeia de Taperoá

O deputado Francisco de Assis Quintans apresentou no Plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba, esta semana, voto de aplauso para os policiais militares José Inaldo de Sousa Paiva (2º SGT PM), Vanderli Batista Alves (3º SGT PM), Francisco de Assis Santos (3º SGT PM e Vanderlei Batista Alves (2º SGT EB) do Exército, que ação que acarretou com a prisão dos fugitivos da cadeia pública de Taperoá, que estavam aterrorizando os habitantes de Sumé.

Os dois homens conseguiram fugir da cadeia pública de Taperoá e estavam escondidos desde o dia 14 deste mês de julho na zona rural de Sumé, no Cariri paraibano, onde instalaram um verdadeiro clima de terror na população.

Armados com revólveres e rifles, os dois fugitivos trocaram tiros com a polícia, invadiram uma residência num sítio em Sumé e levaram comida e cobertores. Os dois bandidos foram presos acusados de matarem três pessoas na cidade de Livramento.

O deputado disse que o voto de aplauso é a maneira que a Assembleia Legislativa tem como reconhecer a bravura dos destemidos policiais, que efetuaram a prisão da perigosa dupla.

Rômulo vai ao Cariri e participa de procissão

O deputado federal Rômulo Gouveia (PSDB-PB) esteve participando da procissão de Santana, na cidade de Barra de Santana, no cariri paraibano.

Rômulo foi a convite do prefeito Manuel Andrade, de Barra de Santana, e do deputado estadual Manuel Ludgério, também estava o prefeito de Juripiranga, Tom Maroja, de Caturité, José Gervasio da Cruz (Zé João), como também o deputado estadual Dunga Jr. e o senador Carlos Dunga.
“Todos os anos faço o possível para estar na procissão, que é acima de tudo, um momento de fé do povo do cariri”, falou Rômulo, que hoje (27) estará em João Pessoa e depois fará uma visita ao prefeito de Sapé, João Clemente Neto (João da Utilar).

Ação Rondon é realizada em Matinhas

Os integrantes do projeto Rondon, que estão em Matinhas até o final do mês de julho, realizaram no Parque da Laranja o Ação Rondon.
Durante toda tarde a população teve a oportunidade de estar mais perto de serviços de saúde, jurídicos e de laser.

Em tendas armadas no Parque da Laranja, a população de Matinhas, que compareceu a ação, foi cadastrada, avaliada fisicamente, em um rápido exame foi verificada a tipagem sanguínea, como também a glicemia e a pressão arterial, já em outra tenda, integrantes do projeto davam orientações nas questões sócio - jurídicas, e para as crianças, tendas foram armadas com brincadeiras e recreação.


O prefeito Aragão Júnior, esteve na Ação Rondon, que contou com total apoio da prefeitura, ele estava acompanhado da sua vice, Ivone Queiroga, e de secretários de governo.

Vital Filho prega união para desenvolver o setor turístico da Paraíba

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) defendeu a mobilização e a união dos municípios paraibanos para executar, em curto prazo, projetos de turismos integrados e sustentáveis. Em sua avaliação, a Paraíba, de forma geral, tem que despertar para o grande potencial turístico exibido pelo território paraibano, “mas que não está sendo aproveitado em sua plenitude com o objetivo de gerar riqueza para a população”.

Ele defendeu o turismo, classificando a atividade como extremamente lucrativa. “Temos que despertar e partir para uma real execução de programas e projetos na área de turismo, de forma rápida. É público e notório que o turismo é a bola da vez e é a indústria, sem chaminé, do século, a mais lucrativa”, adverte o parlamentar.

Para Vitalzinho, apesar de não ter desenvolvido até agora a sua indústria sem chaminé, em termos de geografia a Paraíba se situa em um espaço estratégico, pois fica exatamente em meio a pólos turísticos já desenvolvidos em outros estados da região nordestina, como o Rio Grande do Norte e Pernambuco.

“Muitos estados nordestinos já desenvolveram, de forma rápida, a sua indústria turística. A Paraíba fica no meio dessas unidades. Então, agora temos que procurar atrair esses milhares de turistas de outros estados para o nosso território. Só vamos executar tal ação se houver uma firme parceria dos vários atores que compõem o trade turístico, de uma maneira geral”, analisa Vital Filho.

Campina Grande

O mesmo raciocínio o deputado aplica à região do Brejo paraibano. Ele cita como exemplo a cidade de Campina Grande, um pólo importante para o setor de turismo: “Campina Grande polariza dezenas de municípios na região do Brejo. Ela vai funcionar como uma plataforma disseminadora e como uma base para os outros municípios, que oferecem dezenas de eventos nas áreas culturais, artísticas e históricas. Sem contar com as belezas naturais da região, que é uma das mais belas do mundo”, afirma Vitalzinho.

“Já temos uma boa infra-estrutura na região do Brejo paraibano, o que possibilita um desenvolvimento sustentável da indústria sem chaminé, no caso, o turismo. Agora, vamos dar as mãos e partir para desenvolver, de forma sustentável, esse setor da nossa economia. É preciso que haja parcerias sólidas de todos os personagens envolvidos nessa tarefa. Só assim vamos ter uma sustentabilidade do nosso turismo”, diz Vital Filho.

FELICIDADE?

Por Misael Nóbrega de Sousa

A felicidade está em suportar as próprias dores, sem ter que dividi-las com mais alguém. Livre é o ato do primeiro passo, não a suspeita da claudicação. Sem deixar escamas pelo caminho, por exemplo. Sem nunca admitir saudade. Sem se fazer acompanhar de uma dúvida inacabável. Sem um quê que lhe dite as ocasiões. As paisagens paradisíacas são engodos, panfletos da vida moderna; um tipo de código indutor para que acreditemos no mundo. Nada lhe dá alegria a não ser o prazer inerente. Como achar felicidade em outro indivíduo? Como achar felicidade em outro ambiente? Como imaginar que responsabilidades causam felicidade? Que as culpas lhe trazem felicidade? Que o alheio é melhor? Sorte é uma vida sem enigmas; uma vida morna; uma vida sem exageros; uma vida de pequenos traçados; uma vida de pão e água; uma vida de oração e jejum, por que não?. Acreditar no que há para acreditar. No que lhe é satisfatório. Na revelação interior. Na familiaridade. Uma vida onde não exista nada para abalar o que circunstancialmente é descrito como paixão, feito imo do amor. E esse amor, por vezes inimaginável, tem a possibilidade de transbordar, num só coração. Gostar de si mesmo é um direito. Ter a vaidade de se bastar, visto que o que está afora é fingimento. Enxergar no espelho é o que realmente lhe custa. A solidão é o melhor casamento. Ter o espírito encouraçado para todo e qualquer artifício do diabo; deixar manifestar-se apenas tudo que é puro e inocente. O que de verdade existe num sorriso? O que realmente é belo por se apresentar gentil? Quais matizes formam sensivelmente o arco-íris? A diversão é o desgosto, como uma finitude ao contrário; a explicação para o tempo que urge. Um carrossel anti-horário. Nunca decidimos o que fazer. Sempre há algo que nos obriga a ajuizar diferente. As opções são por isso deslumbramentos, utopias. Como eleger o que penso? Não há razão para isso. A dialética me diz que é insanidade. Tenho que cumprir o que está escrito não a minha própria história. O acaso é a falsidade da lógica. E a vida é o oco. E a morte o que preenche. A vida, uma miragem. A morte, uma veracidade. Não há como aproveitar a vida, pois somos uns inconformados. Aproveitaremos a morte, então? Nada nos completa, de fato... Até que as invenções caíram de moda. E as reinvenções também. E assim usurpamos a essência dos outros. A pureza. A sabedoria. A honradez. E esses outros se tornam iguais aos seus trapaceiros assim que a roda conclui o seu giro. Assim mesmo como a vida quer. Um monte de gente. Zumbis. Não seres inteligentes, felizes. Há muito pouca coisa que justifique essa insistência. Enganadora é o que ela é... A vida é enganadora. Indulto os crentes. Somos um monte de gente, só.

Professor e Jornalista

Aprovados têm até dia 27 para entrega de provas e títulos

Os candidatos que foram aprovados no concurso da Prefeitura Municipal de Taperoá têm até a próxima segunda-feira, 27, para entregarem os documentos de provas e títulos.

A entrega da documentação exigida de acordo com o edital do certame é feita pelo titular ou por outra pessoa desde que esteja com procuração.O atendimento aos concursados será das 8h às 17h no prédio da antiga Prefeitura onde hoje funcionam quatro secretarias municipais, localizado na rua Getúlio Vargas, no centro da cidade.

O prazo emitido pela organizadora do concurso era de 48h contando a partir da data da divulgação do resultado ocorrido na última quinta-feira, 23. Como esse tempo se esgotaria no sábado, 25, dia em que não há funcionamento das atividades do governo local, a Administração esticou o período de entrega para a segunda-feira, 27.

O blog da Prefeitura Municipal de Taperoá, www.gestaodenoticia.blogspot.com, foi o primeiro veículo de comunicação a divulgar que a organizadora do concurso da PMT, Instituto Cidades, publicaria o resultado na quinta-feira, 23.O blog acabou com a agonia de quem concorreu a uma vaga para ocupar cargo na administração municipal e esperava pelo resultado desde a aplicação da prova em maio passado.

Entendendo a responsabilidade que o meio deve ter com a informação para o público, a editoria resolveu pôr fim nas especulações sobre datas que o IC revelaria quem havia passado e quem não tinha conseguido atingir aprovação, e começou entrando em contato com a superintendência da organizadora.

Na quarta-feira, 22, a reportagem foi informada em primeira mão pelo superintendente Michael Barcelos que o resultado seria definitivamente divulgado na quinta-feira, 23, no jornal estatal A União e na página eletrônica www.institutocidades.org.br.

Não basta apenas ser o primeiro, dar o furo da reportagem, é preciso apuração certa dos fatos, o que permite para o público credibilidade, segurança da notícia, respeito e qualidade ao leitor. E só quem possibilita tudo isso, certamente frequentou uma Academia.Jandro Gomes

Vital Filho solicita do Governo Federal recursos para investimentos em habitação em 23 cidades paraibanas

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) solicitou do ministro Márcio Fortes, das Cidades, a liberação de recursos provenientes do Programa de Subsídio à Habitação de Interesse Social – PSH para “promover o acesso à moradia aos cidadãos de baixa renda” em 23 municípios paraibanos. A solicitação foi feita através do envio de Indicações, para beneficiar moradores dos municípios que são classificados como ‘cidadãos de baixa renda’.

Mediante as indicações, Vitalzinho pediu ao ministro a inclusão das cidades no programa “para que elas sejam contempladas com a liberação de recursos, com o fito de dar atendimento aos cidadãos de baixa renda, a partir da concessão de subsídios, o almejado acesso à moradia adequada, conforme estabelecido no PSH”.

Ele argumentou que há mais de seis anos o Programa de Habitação e Interesse Social vem transformando o sonho da casa própria em realidade para muitos brasileiros. Além disso, na Indicação proposta ao Ministro, Vitalzinho pediu urgência no atendimento do pedido, considerando “a situação daqueles que ainda não usufruem deste benefício” nas cidades a serem contempladas.

O pedido de Vital Filho beneficia até mesmo cidades onde o parlamentar não tem o apoio político do prefeito. “A nossa atuação aqui em Brasília visa conseguir benefícios para a população da Paraíba, independente de cor partidária. É assim que tenho feito e é assim que irei continuar fazendo, buscando recursos e trabalhando em prol dos paraibanos, sem olhar a questão político-partidária, porque o povo não deve ser penalizado simplesmente porque o prefeito não apóia o deputado ou coisa parecida”, afirmou Vitalzinho.

A solicitação inclui os seguintes municípios:
Aroeiras
Assunção
Barra de Santana
Boqueirão
Caturité
Coxixola
Gado Bravo
Gurinhém
Ingá
Junco do Seridó
Mogeiro
Montadas
Princesa Isabel
Puxinanã
Riacho de Santo Antônio
Santo André
São Domingos do Cariri
São João do Cariri
São João do Tigre
São José de Princesa
São Sebastião de Umbuzeiro
Soledade
Solânea

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Instituto Cidades divulga resultado de concurso da PMT

A organizadora do concurso da Prefeitura Municipal de Taperoá, Instituto Cidades, divulgará o resultado do certame nesta quinta-feira, 23, no jornal impresso estatal A União, e em sua página eletrônica www.institutocidades.org.br.

Em A União será publicado apenas a lista com nomes dos candidatos aprovados e no endereço na internet do Instituto todos aqueles que concorreram a uma vaga para trabalhar na administração municipal poderão verificar individualmente como se saíram na prova aplicada em maio passado.

As informações foram repassadas por telefone direto de Fortaleza, capital do Ceará, pelo superintendente do Instituto Cidades, Michael Barcellos, para a Assessoria de Imprensa da PMT na tarde dessa quarta-feira, 22. Barcellos disse, ainda, que os dados do concurso contendo lista de aprovados, resultados individuais de cada candidato e recursos impetrados, serão publicados antes do meio-dia da quinta-feira, 23.

A organizadora do certame cita em seu site que cabe recurso contra o resultado e que quem se sentir prejudicado e tenha embasamento na indicação de possíveis erros terá até 48h após a divulgação para realizar impetrações que deverão ser feitas pessoalmente ou por Procurador e exclusivamente na Prefeitura na avenida Getúlio Vargas, 84, centro de Taperoá, perante o Presidente da Comissão Organizadora do Concurso.
Jandro Gomes

EQUIPE DO SEBRAE APRESENTA PROPOSTA DE ENCONTRO

A Prefeitura de Sumé recebeu nesta quarta-feira, 22, consultores do Sebrae- Campina Grande, que estiveram no município para apresentar proposta de “Encontro dos Povos do Cariri”, que acontecerá entre os dia 22 a 25 de outubro, em Monteiro, e terá a participação de 31 municípios da região do Cariri.

De acordo com o consultor do Sebrae, Arnaldo Júnior, o Encontro é uma iniciativa inovadora na Paraíba, a ser realizado através de um conjunto de atividades de caráter cultural, econômico, educacional, turístico, social, ambiental e promocional, com vistas à promoção do espírito de cooperação, integração, inovação e empreendedorismo da região.

“Os 31 municípios da região estarão reunidos através destas diversas manifestações, com mais de 20 pequenos eventos acontecendo simultaneamente durante esses quatro dias, e é uma forma de fazer com que o Cariri possa apresentar-se para todo o Estado com suas características peculiares e mostrando aquilo que tem de melhor”, disse Arnaldo Júnior.

O lançamento oficial do projeto acontecerá no próximo dia 20 de agosto, em São João do Cariri. Na programação de atividades para o Encontro em Monteiro estão incluídas mostras de cinema, de corais, de literatura, de plantas medicinais e produtos fitoterápicos, festival gastronômico, encontro de prefeitos, vereadores, secretários, torneio de futsal e apresentação de bandas e fanfarras.

De acordo com a Gestora de Projeto de Turismo do Sebrae, Rosa Correia, o Encontro dos Povos do Cariri deverá realizar-se a cada dois anos de forma itinerante nas cidades da região, se constituindo em um espaço referencial de debates, reflexões e exposições em torno da sustentabilidade da região.

Andréa Duarte

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DE SUMÉ DÁ INÍCIO AO PROGRAMA GESTAR II

Foi iniciado nesta terça-feira, dia 21, com uma aula inaugural, na Secretaria da Educação de Sumé, o Programa Gestar II, direcionado à capacitação de professores de língua portuguesa e matemática da rede municipal de ensino.

O curso terá carga horária de 180 horas com encontros quinzenais na Escola Irineu Severo. Estão inscritos no Programa cerca de 40 cursistas, incluindo professores do município de Serra Branca, que faz parceria com Sumé no Programa.

A abertura da aula contou com a presença do vice-prefeito Éden Duarte, das Secretárias da Educação de Sumé e Serra Branca, Betânia Macedo e Albanita Leão.

Andréa Duarte

O Core/PB reúne representantes de cinco municípios para agilizar execução de projetos do PAC

O Coordenador Regional da Funasa na Paraíba Álvaro Gaudêncio Neto reuniu na manhã desta terça-feira (21), na sede do órgão, representantes de cinco municípios paraibanos para discutir o andamento dos projetos do PAC/Funasa relacionados a resíduos sólidos. Os municípios de Monteiro, Carrapateira, Bonito de Santa Fé, São José de Piranhas e Monte Horebe são até agora os únicos territórios com projetos referentes a esta linha de execução.
Álvaro Neto explica as orientações da Funasa

A reunião segue uma orientação do presidente da Funasa, Danilo Forte e do governo federal para que todas as dúvidas dos gestores em torno da execução desses projetos sejam dirimidas. Conforme Álvaro Neto, executar os projetos de resíduos sólidos é um pré-requisito necessário para que as localidades sejam beneficiadas com a transposição do Rio São Francisco.

Para que todo o processo seja agilizado, a Core/PB solicitou a presença de um engenheiro da Presidência da Funasa, analista de infraestrutura e especialista em Sistemas de Resíduos Sólidos Urbanos, Dr. Jamaci Nascimento, para junto com os engenheiros da CORE/PB, discutirem “in loco”, com os gestores e técnicos a execução dos projetos.

Chefe do Diesp, Hélio Ferreira também participou da reunião
“Sem o tratamento dos resíduos sólidos nestas cidades, não há Transposição. Por isso vamos trazer um técnico de Brasília para que não reste duvidas para a elaboração dos projetos”, destacou o Coordenador Regional.

O Coordenador da Paraíba disse ainda que colaborar na execução e na agilização dos projetos é uma prioridade da sua administração.

Álvaro Neto também mantém contato permanente com o presidente nacional do órgão, Danilo Fortes, com intuito de melhorar o quadro técnico da instituição na Paraíba, com a contratação de novos engenheiros.

Álvaro Neto media reunião

Aragão Júnior recebe a coordenação do projeto Rondon


O prefeito Aragão Júnior, da cidade de Matinhas-PB, recebeu na manhã de hoje (20) os coordenadores do projeto Rondon.
Estavam com o prefeito, à vice Ivone Queiroga, as secretárias: Mônica Cadena(Administração), Edjane Lima(Ação Social) e Leide Araújo(Educação).


Há mais de 30 anos trabalhando para integrar o Brasil, o projeto Rondon está na terra da laranja com várias iniciativas que visam melhorar a vida do cidadão brasileiro.


Aragão Júnior contou um pouco da historia de Matinhas, suas potencialidades econômicas e turísticas, “o nosso objetivo é contribuir para o crescimento do município”, disse o professor Renato Pedrosa.
Na reunião que aconteceu no gabinete do prefeito, ficou marcada a Ação Rondon, com várias ações que irão beneficiar a população, nas áreas de saúde, justiça e ação social.


A Ação Rondon irá acontecer no Parque da Laranja na tarde de domingo (26), com a presença de coordenadores, professores, agentes públicos e acadêmicos de diversas áreas que participam do projeto Rondon para conhecerem outras realidades da população brasileira.


Estavam na reunião os coordenadores: Carlos Costa e Paulo Souto, da UFRA (Universidade Federal Rural da Amazônia), como também Galvão Rabelo e Renato Pedrosa, da UNIPAR (Universidade Paranaense).


O Projeto Rondon ficará em Matinhas até o dia 30 de julho, “espero que possamos aproveitar bem todo este tempo em que vocês estirem na nossa cidade, contém com o nosso apoio”, falou Aragão Júnior.

Rômulo aproveita os primeiros dias de recesso e visita o sertão

O deputado federal paraibano Rômulo Gouveia (PSDB), esteve visitando o sertão paraibano, onde manteve contato com várias lideranças daquela região do estado.

Porém, antes de viajar, manteve audiência com a reitora Marlene Alves (UEPB), onde discutiram a implantação da universidade da melhor idade.

Rômulo esteve em Sousa, onde foi recebido pelo empresário Jocélio das parabólicas, como também pelo prefeito Fábio Tayrone, a vice Joana Estrela e lideranças da região.

O parlamentar paraibano esteve também na cidade de Uiraúna, onde discutiu investimentos na cidade, depois foi a Cajazeiras, e manteve contato com lideranças.

No roteiro do tucano estava também à cidade de São José da Lagoa Tapada, depois a convite da prefeita Pollyanna, esteve nas festividades de Pombal.

Rômulo Gouveia se reuniu rapidamente com o deputado Dinaldo Wanderley em Patos e esteve também na cidade do Junco do Seridó, com o prefeito Cosmo Simões de Medeiros (Branco).

Na região de Campina Grande, principal base política do deputado, Rômulo esteve na missa de 30º dia de falecimento, do líder comunitário de São José da Mata, Eliezer Pereira, acompanhado da vereadora Ivonete e do deputado estadual Manuel Ludgério.

Depois foram a um evento social em Montadas, ao lado do prefeito Lindenberg Souza e do ex-prefeito Arimatea Souza.

Também na companhia de Manuel Ludgério, Rômulo foi a Alagoa Nova, prestigiar o evento cultural, Festa da Galinha, idealizado pelo ex-prefeito Luciano Oliveira. Os deputados foram recebidos pelo ex-prefeito Otavio Leite, seu filho Aquino, vereadores e lideranças locais.

“Tenho procurado visitar todos os municípios da minha base política, para encaminhar pleitos junto ao governo federal e as comissões que faço parte, e hoje (20) estarei em João Pessoa fazendo à mesma coisa”, falou Rômulo.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Roberto celebra, no Senado, os 60 anos do Correio das Artes

O senador Roberto Cavalcanti (PRB) celebrou nesta sexta-feira 17 os 60 anos de edição do Correio das Artes, do jornal A União. Na tribuna do Senado, ele lembrou que o veículo é reconhecido como o suplemento cultural mais antigo em circulação no País.

“A Paraíba se orgulha dos 60 anos de existência do Correio das Artes, instrumento da maior importância para nosso desenvolvimento cultural e educacional. É parte significativa de nossa história”, apontou.

O senador paraibano citou colaboradores ilustres do suplemento:

“A Paraíba de José Américo de Almeida, de José Lins do Rego, Augusto dos Anjos, Carlos Dias Fernandes, Assis Chateaubriand, Ariano Suassuna, Paulo Pontes, José Nêumanne Pinto, Wladimir Carvalho, Linduarte Noronha, Afonso Pereira, Ascendino Leite, Luiz Augusto Crispim, Francisco Pereira da Nóbrega, Adalberto Barreto, Gonzaga Rodrigues, Wellington Pereira, Joacil de Brito Pereira e de outros grandes vultos e personalidades que engrandeceram nossa história, se orgulha dos 60 anos de existência do Correio das Artes”, ilustrou Cavalcanti.
Ele também destacou o papel de divulgação e formação desempenhado pelo Correio das Artes nas últimas seis décadas.

“O Correio das Artes sempre acolheu e apoiou o desenvolvimento da literatura paraibana, em suas mais diversas tendências, modalidades e movimentos literários: o Modernismo, a chamada Geração de 45, as vozes poéticas da Geração de 59, as tendências de vanguarda, a poesia concreta”, lembrou o senador.

Roberto Cavalcanti finalizou o pronunciamento afirmando que “a Paraíba da cultura, da literatura e das artes, que tem um compromisso com a educação e com todos os valores espirituais e intelectuais, reconhece a importância do suplemento cultural do jornal A União e comemora os seus 60 anos de circulação”.

Veneziano defende unidade das oposições e critica “quem prega a desunião e defende projeto pessoal”

O prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB) voltou a afirmar, nesta quinta-feira (16) que acredita numa união de todos os partidos que estiveram juntos em 2006, novamente, para o pleito estadual de 2010. Ele reafirmou que o PMDB tem como nome precedente o do governador José Maranhão, “candidato natural à reeleição”, mas voltou a dizer que pode ser uma opção do partido para 2010.

Veneziano disse que não fala como candidato ao Governo do Estado por dois motivos: primeiro porque não se apresentou como tal. “Quando isto ocorrer, e se ocorrer, eu chegarei para a imprensa e direi: pronto, sou candidato, e irei visitar a Paraíba como tal. Mas isto não ocorreu. Eu estou preocupado é com os destinos administrativos de Campina Grande, pois temos muito o que fazer pela cidade”. Segundo, porque Veneziano diz só ser prudente discutir candidatura em 2010. “Apresentar-se como candidato hoje pode soar como desrespeitoso”.

Mudança de ideologia - O prefeito campinense teceu críticas a quem “defende um projeto pessoal, em nome próprio, pregando a desunião e defendendo imposições”. Da mesma forma, Veneziano afirmou que “estes políticos, que mudam de ideologia, prejudicam a democracia e a sociedade em geral e podem causar danos à coletividade”.

“A história registra que os políticos que se digladiam no dia a dia, trocam farpas, insultos, até mesmo de ordem pessoal, mas que, de uma hora para a outra, se unem, para atendimento de projetos pessoais, é como se estivessem brincando com a sociedade. Isso é muito maléfico para a sociedade como um todo”, sentenciou.

Cartões de crédito: Roberto cobra regulamentação para baratear taxas e acabar com “duopólio”

O senador Roberto Cavalcanti (PRB) cobrou nesta quarta-feira 14 a regulamentação do mercado de cartões de crédito para viabilizar a ampliação da concorrência entre operadoras e, a partir daí, reduzir as taxas de juros praticadas atualmente – uma das maiores do mercado financeiro. Na tribuna do Senado Federal, ele apontou “duopólio” entre Mastercard e Visa.

“Existe uma grande concentração. Apenas duas bandeiras detêm 80% do mercado. A Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito e Serviços admitiu a necessidade de desconcentração do mercado. No entanto, não aponta prazos ou condições de como isso aconteceria”, criticou o senador.

Ele revelou que a concentração do mercado de cartões foi identificada em diagnóstico elaborado pelo Banco Central e ministérios da Fazenda e Justiça. O documento provocou decisão do Governo Federal em intervir no segmento. A regulamentação deve começar em setembro.

Na tribuna, Roberto Cavalcanti enumerou os principais gargalos enfrentados atualmente pelos usuários de cartões de crédito.

“As taxas de administração cobradas dos comerciantes são altíssimas, bem como os juros cobrados dos consumidores. Além disso, as operadoras demoram aproximadamente 30 dias para efetuar o pagamento para as empresas, o que leva estas a buscar empréstimos no mercado financeiro para conseguirem capital de giro”, apontou o senador.

“Esses problemas não são eventuais. As páginas dos principais jornais brasileiros têm mostrado de forma repetida que a falta de atuação do Banco Central tem gerado problemas para consumidores e empresas, ou seja, para o bom funcionamento da economia nacional”, finalizou.

Efraim Morais anuncia pedido de auditoria nos contratos do Senado

O senador Efraim Morais (DEM-PB) anunciou nesta terça-feira (14), em Plenário, que irá encaminhar ofício ao Ministério Público Federal (MPF) e ao Tribunal de Contas da União (TCU) solicitando auditoria em todos os contratos realizados pelo Senado desde 2003. A medida, observou, é uma resposta a denúncia publicada na edição desta semana da revista Isto É, segundo a qual Efraim teria recebido comissão de até 30% para que empresas fossem incluídas como fornecedoras do Senado.
- Não vou fazer defesa porque não há como refutar o que não existiu - afirmou.

O parlamentar leu declaração do servidor do Senado, Aloysio de Brito Vieira, ex-presidente da Comissão de Licitação da Casa, na qual ele nega irregularidades em processos de licitação e afirma desconhecer "fato que desabone ética ou moralmente a atuação parlamentar ou pessoal" dos senadores citados pela revista, entre os quais Efraim.

O senador pela Paraíba também contestou matéria do jornal Correio Braziliense, que teria divulgado informações incorretas sobre a Operação Mão-de-Obra, da Polícia Federal.

- Começou pelo Correio Braziliense. Cento e poucos dias de manchete e fotografia sem repercussão em outro jornal ou televisão, em nenhum meio de comunicação. E agora, a revista Isto É requentando a matéria, matéria montada com o objetivo de atingir esse senador - protestou.

Efraim ressaltou ainda que, em relação à Operação Mão-de-Obra, tanto o juiz federal que deferiu o monitoramento telefônico dos supostos envolvidos, quanto o procurador do Ministério Público que remeteu os autos à Procuradoria da República do Distrito Federal, julgaram não haver envolvimento de senadores e, portanto, ser desnecessário o envio dos documentos à Procuradoria Geral da República.

Efraim afirmou também que, em 2008, encaminhou oficio à Polícia Federal solicitando a abertura de seus sigilos fiscal, bancário e telefônico, tendo em vista a ação penal do Ministério Público referente à Operação Mão-de-Obra, atitude que, segundo ele, "muitos homens públicos não teriam coragem de fazer".

Apoio
O líder do Democratas, José Agripino (RN), parabenizou Efraim pelo pronunciamento e anunciou que o partido subscreverá o ofício ao MPF e ao TCU, para que não restem dúvidas sobre as investigações. Afirmou que o documento será examinado pela bancada e "servirá de reparo à sua imagem de homem público do Brasil e da Paraíba".
Agência Senado

terça-feira, 14 de julho de 2009

Pesquisa da FGV aponta Campina Grande como a melhor cidade do interior nordestino para trabalhar

A cidade de Campina Grande foi apontada em pesquisa da Fundação Getúlio Vargas - FGV como a melhor do interior do Nordeste para trabalhar. Campina aparece em 10.º lugar no ranking das melhores cidades para fazer carreira profissional da Região Nordeste. As nove primeiras são todas capitais e a única cidade do interior nordestino a figurar na lista é Campina Grande.

No ranking nacional, dos 5.564 municípios brasileiros, Campina Grande aparece na 75.ª posição, à frente de cidades como Chapecó-SC, Diadema-SP, Dourados-MS, Palmas-TO, Cascavel-PR, Porto Velho-RO, Novo Hamburgo-RS, Criciúma-SC, Mossoró-RN, Nova Friburgo-RJ, Contagem-MG, Boa Vista-RR, dentre outras importantes cidades e capitais brasileiras.

A 8.ª edição da pesquisa As 100 Melhores Cidades Para Fazer Carreira escolheu, para avaliação, 127 cidades brasileiras, considerando os municípios mais populosos e com maiores depósitos bancários à vista, ou seja, onde o dinheiro circula em volumes maiores. Uma vez feita a triagem, as cidades foram avaliadas com base em três indicadores: educação, vigor econômico e serviços de saúde.

Segundo o professor Moisés Balassiano, da FGV, que coordenou a pesquisa, o item Educação é o que tem maior peso na avaliação e considera o número de indivíduos com formação acadêmica, as vagas disponíveis na rede pública, a qualidade do ensino e o número de cursos de graduação, mestrado e doutorado. Também são avaliados o PIB municipal, divulgado pelo IBGE em 2006, e a infra-estrutura dos serviços de saúde.

Nestes aspectos, Campina Grande se sobressaiu por conta de ações em vários setores desenvolvidas a partir de 2005, quando o prefeito Veneziano Vital do Rego assumiu o cargo e a cidade passou a subir nos rankings nacional e regional da pesquisa. Só para se ter uma idéia do salto de Campina na pesquisa, a partir de 2006, com um ano da gestão Veneziano, a cidade passou à frente trinta posições no ranking nacional.

À frente da região Sul

A pesquisa apontou um dado interessante: graças ao desempenho de algumas cidades nordestinas - como Campina Grande - o Nordeste passou a região Sul em vários indicadores econômicos, a exemplo do consumo. A Consultoria Target aponta que o Nordeste movimentou, em termos de consumo, R$ 317 bilhões, o que significa 18% do total nacional.

Os dados completos estão em reportagem especial da revista Você S.A. deste mês, que já está nas bancas de todo o Brasil. A matéria aponta que estes indicadores acabaram estimulando grandes grupos a investir nas principais cidades nordestinas e cita a rede Atacadão, que recentemente inaugurou unidade em Campina Grande e que anuncia a contratação de 1.720 pessoas para as suas unidades no Nordeste o mesmo número previsto para o Sudeste.

A reportagem também cita a empresa Rapidão Cometa, que atua em Campina Grande e é uma das cinco maiores do país em seu setor. A empresa, segundo a reportagem, aumentou o seu faturamento em 25% nos últimos meses. Outra empresa citada é a Coca-Cola Guararapes, que também atende o mercado de Campina Grande.

Ao ser informado dos dados da pesquisa, o prefeito Veneziano comemorou o bom momento econômico e financeiro por que passa a cidade. Segundo ele, os investimentos feitos pela administração municipal a partir de 2005 geraram efeitos positivos imediatos, o que se comprova ano após ano, com o levantamento feito pela FGV.

Veneziano destacou como ações decisivas para este bom desempenho da cidade na pesquisa o aumento no número de unidades do Programa Saúde da Família - PSF; a retomada da capacidade de investimentos próprios da Prefeitura de Campina Grande; as ações na área de Educação, com reforma, ampliação e reconstrução de escolas e creches, aumentando a oferta de vagas na rede pública, além da qualificação dos professores, o que melhorou os indicadores relacionados à qualidade do ensino.

Outro aspecto destacado pelo prefeito foi a quantidade de investimentos de novos grupos privados na cidade, atraídos pela tranqüilidade e estabilidade econômica de Campina Grande, que geraram um aumento considerável no PIB municipal, um dos itens levados em consideração pela pesquisa. “É motivo de muito orgulho para nós e esses dados nos estimulam a continuar com as ações que estamos empreendendo desde 2005, pois mostram que estamos no caminho certo”, disse o prefeito.




Releases: PMCG/Codecom

IFPB inicia matrículas nos novos campi

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) começou nessa segunda-feira as pré-matrículas dos classificados para os novos campi de Cabedelo, Monteiro, Patos, Picuí e Princesa Isabel. O início das aulas deve acontecer em setembro. Estes alunos pioneiros que foram classificados no último PSU do antigo Cefet-PB são dos cursos superiores e dos técnicos subseqüentes.

As pré-matrículas em Princesa Isabel, Cabedelo, Monteiro, Patos e Picuí vão até esta quarta-feira, 15 de julho. Em todos os campi, os horários para efetuar as pré-matrículas serão das 8h às 11h30, 13h30 às 17h30 e das 18h30 às 20h30.

Em cada cidade, um local foi reservado para as pré-matrículas. Em Cabedelo, é no Centro de Formação em Pesca e Cultura Marinha, na Av. Pastor José Alves de Oliveira. Em Monteiro, é no Telecentro Tereza Ribeiro Xavier, no Alto de São Vicente. Em Patos, é na Escola Agrícola, no Alto da Tubiba. Em Picuí, é no Auditório do Centro Administrativo da Prefeitura. Em Princesa Isabel, é na Biblioteca do Município.

Os classificados deverão apresentar o original ou cópia autenticada de Certificado de Conclusão e Histórico Escolar do Ensino Médio, Certidão de Nascimento ou de Casamento, CPF, documento de identidade (RG ou equivalente), Título Eleitoral (para os maiores de 18 anos), Certificado de Alistamento Militar (caso sexo masculino), e uma fotografia 3x4.

Reuniões estão marcadas para o dia 16 de julho, com os novos alunos do IFPB nessas cinco cidades, nos mesmos locais das pré-matrículas. Em Cabedelo, será iniciado o curso de Design Gráfico; em Monteiro, o de Construção de Edifícios; em Patos, é Tecnologia em Segurança do Trabalho; em Picuí, o Bacharelado em Agroecologia e em Princesa Isabel o de Gestão Ambiental.

“Atualmente, a instituição tem 6.210 alunos matriculados. Com os novos campi, o IFPB poderá receber mais 839 alunos, ultrapassando, este ano, a marca de 7000 matriculados distribuídos em 21 cursos superiores, 41 cursos técnicos e uma qualificação profissional. Desse montante, cinco cursos superiores e dez técnicos subseqüentes são dos novos campi”, destaca o pró-reitor de Ensino, Paulo de Tarso Costa Henriques.

Início com 40 professores
Com a cautela do Governo Federal no cenário da crise internacional, não foi possível realizar o concurso para o quadro permanente de professor e técnico-administrativo nesses campi. Mesmo assim, o reitor do IFPB, João Batista Oliveira, teve assegurado recursos para a contratação de 40 professores substitutos.

“Professores do quadro atual podem ser deslocados para esses novos campi”, comentou João Batista. Até mesmo o concurso que está sendo realizado, com 40 vagas para docente e 19 para técnico, com provas neste mês de julho, pode ter algumas deslocadas para estas cinco cidades, embora a previsão fosse para a Capital, Cajazeiras e Sousa.

Devido a muitos trâmites legais, a construção dos prédios ainda está na fase inicial. As Prefeituras das cinco cidades já se comprometeram com o IFPB a ceder instalações provisórias para o funcionamento em setembro. Mas, também podem colaborar cedendo funcionários para atuarem no apoio administrativo. A instituição está colaborando com serviços de restauro e manutenção desses prédios. O reitor solicitou ao MEC recursos para estruturar cada campus com um laboratório de informática com 20 computadores. A previsão é que em algumas cidades o prédio definitivo fique pronto já em dezembro.

Para 2010, o ingresso nos cursos superiores é através das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com inscrições no site www.enem.inep.gov.br até 17 de julho.

Assessoria de Comunicação Social do IFPB

‘Depois que a Pedra passou’ agrada mais que microssérie da Globo

Com baixa qualidade técnica e uma linguagem fílmica “doméstica”, o vídeo ‘Depois que a pedra passou’ produzido por jovens taperoaenses no ano passado através do projeto Paraíba Cine Senhor, numa parceria entre a Prefeitura e a Petrobrás, conseguiu fazer o que a microssérie A Pedra do Reino, dirigida pelo consagrado Luiz Fernando Carvalho e exibida em junho de 2007 em horário nobre na Rede Globo de Televisão, não fez, agradar e provocar entendimento ao espectador, em especial, ao público taperoaense.

A modesta produção conta em detalhes curiosos como a cidade estava antes e como ela ficou depois que a obra do escritor taperoaense, Ariano Suassuna, foi adaptada para a televisão há dois anos.

Depois que a pedra passou e mais três vídeos foram exibidos na última sexta-feira no auditório da Universidade Aberta do Brasil (UFPb Virtual) para uma plateia de mais de 120 pessoas.

Se os olhos fitados na tela e os risos soltos do público servirem como medidores de agrado, as quatro produções feitas entre os meses de abril e julho de 2008, caíram no gosto de estudantes, autoridades política e religiosa, profissionais da educação municipal e moradores que estiveram presentes à amostra no último final de semana.

Alguns alunos do projeto Paraíba Cine Senhor também compareceram à exibição. É o caso de Ivelda Dias. Ela disse que após fazer a oficina oferecida pelo projeto, não vê mais TV e cinema como antes.

“Após fazer a oficina de vídeo não vejo mais novela, programas de TV e filmes como via antes, agora a coisa mudou. Hoje em dia eu assisto a alguma coisa e fico imaginando que tipo de luz foi usado, que enquadramento, que ângulo”, contou Ivelda.

Taperoá e mais quatro cidades do cariri paraibano foram contempladas com o Paraíba Cine Senhor. Em três, os vídeos já foram lançados, e em apenas uma, segundo o criador do projeto, Orlando Júnior, as oficinas obtiveram melhor êxito, Taperoá.

“Não que as outras cidades não tenham compreendido o projeto, não é isso, mas é que em Taperoá foi diferente, porque aqui os alunos participavam integralmente de tudo, das oficinas, dos debates após as exibições de filmes que eram feitas. Eu me lembro que dava 10, 11 da noite, eu doido para ir dormir e as pessoas lá querendo saber mais e mais sobre cinema. Ao final do projeto, ir embora foi muito doloroso para mim, para toda a equipe”, confessou Orlando.

Para Orlando Júnior dificilmente teremos um Walter Sales, Fernando Meireles, Marcos Vilar, ou um Wladimir Carvalho, mas podemos ter um Rafael Santos, uma Ivelda Dias, ou até mesmo um Jadye Vilar, este apontado por Orlando como um dos melhores alunos das oficinas.

“Jadye me chamou muito a atenção pela boa percepção que ele tem do que é audiovisual, e além do mais é um garoto muito interessado em aprender e sempre se mostrou muito participativo”, revelou Orlando.

O projeto Paraíba Cine Senhor tem a criação de Orlando Júnior e Míria Ferreira, conta com a colaboração de mais de 10 profissionais, e tem o patrocínio da empresa Petrobrás. Em Taperoá teve total apoio da Prefeitura Municipal que disponibilizou local e pessoal para dar assistência ao projeto.

Além de ‘Depois que a pedra passou’, foram realizados ‘Vida e Memória de uma Comunidade’, ‘Cariris’ e ‘Um Sonho no Escuro’.

Jandro Gomes

Em Serra Branca, Veneziano diz que oposição deve aprovar empréstimo ao Estado pára compensar perdas do FPE

O prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB) defendeu, durante visita a Serra Branca, no Cariri paraibano, que os deputados estaduais aprovem o empréstimo do Governo do Estado junto ao BNDES, em nome do desenvolvimento da Paraíba. Ele afirmou que o empréstimo nada mais é do que a compensação aos estados brasileiros por conta das perdas do Fundo de Participação dos Estados – FPE.

Segundo Veneziano, com a posição da bancada de oposição ao governo de não querer aprovar o empréstimo, a Paraíba vai sair perdendo. “A oposição não quer que hospitais sejam entregues, que escolas sejam concluídas, que estradas sejam feitas, não quer ver o desenvolvimento da Paraíba”.

Veneziano afirmou que os opositores do governador José Maranhão deixaram o Estado em situação crítica “e agora querem evitar essa recomposição das perdas do FPE”. Ele lembrou que esta recomposição, para os municípios, veio através de repasses do próprio Governo Federal, o que não ocorreu com os estados. “Aos municípios a recomposição foi feita não por empréstimo, mas com os estados ficou desta forma e em todos os estados do país a recomposição foi aprovada, menos na Paraíba”.

Perdas do FPM

Em Serra Branca, Veneziano foi recebido pelo prefeito Eduardo Torreão (Dudu) e seu vice, Guilherme Gaudêncio; presidente da Câmara, Marcos Torreão e a vereadora Bacica; Paulo Torreão, liderança política; Alexandre Neves, presidente da Câmara de Coxixola e o vereador Manoel de Duda; o Coordenador da Funasa na Paraíba, Álvaro Neto; ex-deputado Walter Brito; ex-vereador de Campina Grande Rejanilson Batista; Clóvis Ramos, ex-prefeito de São João do Cariri; Paulo Gaudêncio, vereador em São João do Cariri, e lideranças de cidades como Sumé, Picuí, Congo, dentre outras.

Veneziano ouviu relatos das dificuldades por que passam as cidades, devido às sucessivas reduções nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios - FPM. Segundo Veneziano, estas cidades sofrem mais que Campina Grande ou João Pessoa, por exemplo, pois “muitas vezes dependem exclusivamente do FPM”.

Ele afirmou que no Cariri existem várias cidades cujas administrações merecem os parabéns pois, diante de tantas dificuldades, estão com pagamento da folha em dia e desenvolvendo ações. “Não podemos chegar aqui em Serra Branca dizendo que temos, em Campina Grande, um modelo único e tal. Em outras cidades da Paraíba encontramos ações positivas, que merecem destaque. Estes municípios, sim, merecem os parabéns”.

Veneziano concedeu entrevista ao radialista Ernandes Gouveia, da Rádio Independente FM; depois, visitou a Feira e o comércio em geral, onde foi cumprimentado por feirantes e por várias pessoas. Em seguida, participou de um almoço na residência do vice-prefeito Guilherme Gaudêncio. Ele estava acompanhado dos secretários de Administração, Constantino Soares; e Executivo, Gilson Lira; do presidente da Agência Municipal de Desenvolvimento - AMDE, Tico Lira; e do Coordenador de Comunicação da PMCG, Carlos Magno.

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Veneziano destaca sensibilidade de Maranhão: “Ele prevalece pela condição de governador, mas não impõe seu nome”

O prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego (PMDB) destacou o que considera uma “grande sensibilidade” do governador José Maranhão, segundo ele, “candidato natural” do partido à reeleição em 2010. Porém, ao mesmo tempo, o prefeito campinense destaca que Maranhão é “sensível” e não se aproveita dessa condição para “impor o seu nome”.

Veneziano lembra que José Maranhão tem colocado que é democrático e que não se aproveita da condição de governador para dizer que é candidato único, de forma intransigente. “Maranhão tem uma sensibilidade extraordinária. Ele prevalece pela condição de governador, mas não impõe o seu nome”, disse.

Veneziano voltou a dizer que o PMDB é um partido democrático e que saberá conduzir o processo eleitoral de 2010, no tempo certo, de forma democrática. “A candidatura peemedebista o partido discute e decide em 2010, que é o tempo certo. Mas podemos dizer que não há a possibilidade de o PMDB sair chamuscado desse processo. O partido terá uma decisão interna sendo tomada e saberá reconhecer o nome para a disputa de 2010”.

Ele afirmou que dentro desta característica, o PMDB tem por essência aglutinar forças, o que enseja a premissa de que todas as forças aliadas em 2006 estejam juntas, novamente, em 2010. “Nós temos no governador José Maranhão o candidato natural. Mas, se for para escolher outro nome, este nome poderá ser das hostes peemedebistas ou até mesmo de outro partido aliado”, afirmou.

Deputado Rômulo Gouveia recebe comitiva da China

O deputado Rômulo Gouveia (PSDB-PB), recebeu neste dia 08 de julho em Brasília-DF, uma comitiva de chineses, composta por dirigentes da empresa estatal Potevio e de seus representantes no Brasil.
O objetivo da viagem dos chineses, foi o estudo das potencialidades e de parcerias junto ao governo e empresas no Brasil na área de ciência e tecnologia para possíveis investimentos e também a retribuição de uma visita feita, em dezembro de 2008, por uma delegação de parlamentares brasileiros à China, da qual Rômulo Gouveia também participou.
A comitiva da China era composta pelo vice-presidente da Potevio, Wang Zhong Fu, pelo representante da empresa no Brasil, Yu Hsi Lan e por mais quatro diretores. Os mesmos foram recebidos inicialmente no Plenário da Câmara Federal pelo presidente da Casa, deputado Michel Temer (PMDB-SP).
Em seguida, os mesmos foram recebidos em audiência pelo deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP), presidente do Grupo Parlamentar Brasil-China, que exaltou a importância da visita para o estreitamento dos laços econômicos e de amizade entre os dois países.
Em seguida, a comitiva foi recebida pelo deputado Eduardo Gomes (PSDB-TO), presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara Federal, que destacou a importância da visita dos executivos da Potevio e os esforços empreendidos para a aproximação dos dois países nessas importantes áreas. Ele falou ainda do importante papel desempenhado pelos deputados Rômulo Gouveia e Bruno Rodrigues (PSDB-PE), “em todos os temas ligados a atuação da Comissão que preside, e um exemplo disso era aquela visita dos dirigentes da Potevio, que certamente traria bons resultados práticos”.
Finalizando a série de audiências, a comitiva chinesa, acompanhada dos deputados Rômulo Gouveia, Aldo Rebelo e Bruno Rodrigues, foi recebida pelo Ministro da Ciência e Tecnologia, Sérgio Rezende e por técnicos daquele Ministério. Em sua saudação, o ministro destacou as várias oportunidades no campo da ciência e tecnologia que podem aproximar ainda mais as duas nações.
O Ministro Sérgio Rezende também fez uma explanação sobre os projetos bem sucedidos desenvolvidos pela China e pelo Brasil, principalmente na área de satélites, o CBERS, dizendo ser possível obter o mesmo êxito com o setor de tecnologia da informação: “Na área específica de comunicação e tecnologia da informação o Brasil tem um mercado muito grande e dispõem de várias leis - como a Lei de Informática - que incentivam a produção no País não só para o mercado interno, mas para a exportação. Isso tem feito com que empresas de vários lugares considerem o Brasil como um destino para investimento, transformando o País em base para exportação da América Latina e outros continentes”, disse.
Em todas as audiências realizadas com autoridades brasileiras, o vice-presidente da Potevio, Wang Zhong Fu, destacou que a empresa está no Brasil avaliando possibilidade de investimentos em vários setores. “O Brasil já teve a oportunidade de trabalhar com a China em várias áreas, o que trouxe benefício aos dois. Justamente por isso estamos em busca de novas oportunidades”, destacou. Ele disse também da importância do Brasil como “mercado estratégico” e que “o governo chinês está interessado em diversificar e ampliar as relações culturais e econômicas além da Europa e Estados Unidos”.
O deputado Rômulo Gouveia ofereceu um almoço com pratos regionais nordestinos aos participantes da Comitiva China-Brasil e se disse empolgado com o sucesso da visita dos chineses: “Essa é uma grande oportunidade para firmamos parcerias com uma grande empresa como a Potevio, estatal chinesa com mais de 100 anos e com forte atuação na área de tecnologia da informação’. Rômulo disse ainda que pretende ampliar essas parcerias para as Universidades paraibanas, sabidamente “ um grande pólo de conhecimento em ciência e tecnologia”.

Rômulo Gouveia é indicado para mais uma Comissão

Rômulo Gouveia, deputado federal pelo PSDB da Paraíba, foi indicado pelo líder do seu partido na câmara dos deputados, para compor, como titular, a Comissão Representativa do Congresso Nacional de que trata o Art. 58, § 4º, da Constituição federal, durante o período de 18 a 31 de julho de 2009.
Além de Rômulo, foram designados, o senador Álvaro Dias (PR) e o deputado Duarte Nogueira (SP) e na suplência o senador Arthur Virgílio (AM) e os deputados Leonardo Vilela (GO) e Professor Ruy Paulleti (RS).

TCU vai auxiliar a Câmara na fiscalização de verbas da Copa de 2014

O Tribunal de Contas da União (TCU) vai auxiliar a Câmara na fiscalização dos recursos gastos na preparação do País para a Copa do Mundo de 2014. O acordo foi firmado com a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara e tem o objetivo de assegurar um melhor controle sobre as despesas com reformas de estádios e obras de infra-estrutura.

Erros do Pan

O presidente da subcomissão instalada para fiscalizar as ações da Copa, deputado Rômulo Gouveia (PSDB-PB), lembrou que os custos com a preparação do País ainda não estão definidos. Ele afirmou, também, que a participação do TCU vai impedir que se repitam os mesmos erros cometidos na realização dos Jogos Pan-Americanos no Rio de Janeiro, em 2007, quando as despesas ultrapassaram o custo previsto das obras.
O ministro Aroldo Cedraz, do Tribunal de Contas da União, afirmou que o papel do TCU, além de aprimorar a gestão dos recursos públicos, é verificar a eficácia e a eficiência das políticas do governo destinadas à Copa do Mundo. Segundo ele, essa tarefa é complexa, já que a organização da Copa vai envolver quase todos os órgãos do governo federal.

Audiências

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle vai realizar em breve audiências públicas para debater a transparência no uso dos recursos públicos destinados à Copa do Mundo. Os primeiros convidados serão o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo; e o presidente do TCU, ministro Ubiratan Aguiar.

Rômulo participa de reunião para debater sobre o “Projeto Copa Limpa”

O deputado Rômulo Gouveia (PSDB-PB), participou na manhã de ontem(09) no Centro Cultural Banco do Brasil, sede provisória do governo federal em Brasília, de importante reunião promovida pela Comissão Mista Permanente sobre Mudanças Climáticas, onde foi debatido o “PROJETO COPA LIMPA”.
O "Projeto Copa Limpa" prevê uma série de ações de sustentabilidade para a Copa de 2014. Entre elas, a utilização de energias alternativas, com ênfase na energia solar, a reutilização da água e a redução das emissões de gás carbônico nas obras de reconstrução, reforma e modernização dos estádios. O "Copa Limpa" também prevê coleta seletiva de lixo e implementação de projetos de saneamento básico. Estão também incluídas ações relacionadas à mobilidade urbana, por meio de melhoria dos transportes coletivos, à segurança pública e à qualificação de mão de obra voltada para o turismo.
A reunião, contou com as presenças do Dr. Gilberto Carvalho, Chefe de Gabinete da Presidência da República, dos senadores Miro Teixeira e Ideli Salvati , Presidenta da Comissão de Mudanças Climáticas, do Ministro do Esporte, Orlando Silva, do ministro do turismo, Luiz Barreto, além de representantes dos ministérios da Ciência e Tecnologia e do Meio Ambiente.
Rômulo Gouveia, que é membro da Comissão Mista de Mudanças Climáticas e Presidente da Subcomissão que fiscalizará os recursos públicos na Copa 2014, disse que a reunião foi muito proveitosa: “É preciso se cercar de todos os cuidados para termos uma copa ambientalmente correta, que além de fazer valer a boa aplicação dos recursos públicos, uma copa limpa, sustentável é sinônimo de atração de investidores e patrocinadores”, concluiu.

Rômulo recebe em Brasília João Gonçalves

Rômulo Gouveia (PSDB-PB) recebeu em sua residência no distrito federal, o cantor, compositor e músico regional João Gonçalves, que na ocasião estava acompanhado de familiares.
“João é um dos ícones da nossa música nordestina, compositor de vários sucessos, pra mim é uma honra recebe-lo como nordestino e campinense”, falou Rômulo, que tem colocado a cultura como uma de suas principais bandeiras.

Vital Filho defende que regulamentação da Emenda 29 ocorra ainda este ano

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) defendeu nesta quinta-feira (10) que haja prioridade para a votação do Projeto de Lei n.º 306/08, que regulamenta a Emenda Constitucional n.º 29 na Câmara Federal. De Campina Grande, ele manteve contato, via telefone, com o presidente da Câmara, Michel Temer, para se informar de uma reunião que estava agendada para esta quinta, na qual o assunto seria discutido.

Vitalzinho, que não pôde comparecer à reunião por estar na Paraíba, disse que recebeu de Temer a confirmação de que a reunião foi bastante proveitosa, pois teve a participação do ministro da Saúde, José Gomes Temporão; de representantes de diversas entidades ligadas à área de saúde; além de integrantes da Frente Parlamentar da Saúde. Michel Temer disse a Vitalzinho que, durante o encontro, prometeu pedir prioridade para a votação do Projeto.

“O presidente disse que iria discutir o Projeto com os líderes no início do próximo mês, com a possibilidade de inclusão imediata da matéria na pauta de votações, caso haja um entendimento”, disse Vitalzinho. O texto principal da proposta - um substitutivo do relator, deputado Pepe Vargas (PT-RS) - foi aprovado em junho de 2008.

A Emenda 29 fixa os percentuais mínimos a serem investidos em saúde pública por municípios, estados, Distrito Federal e União. Além disso, define as ações de saúde em que esses recursos poderão ser aplicados. “O objetivo é impedir que União, estados e municípios desviem verbas obrigatórias da saúde para outras áreas”, lembra Vital Filho, que é um dos maiores defensores da regulamentação da Emenda 29 na Câmara.

Vitalzinho lembra que a regulamentação da lei vai acabar com os desvios de recursos do setor e resolver, de forma definitiva, o subfinanciamento do SUS. “Há um compromisso do governo federal de que arrecadação da CSS será exclusiva para a saúde e vai complementar o orçamento do setor e não substituir fontes”, afirma Vitalzinho.

UMA OUTRA FORMA DE EXPLICAR O ENEM

Utilizando a Linguagem Brasileira de Sinais, vídeo produzido no Campus Campina Grande do IFPB explica o novo processo seletivo do ensino superior da instituição e aborda as mudanças do ENEM.
Há várias semanas que o novo Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) está em destaque na mídia, devido as suas mudanças e o impacto que está causando no processo seletivo de cursos superiores de boa parte das instituições de ensino do Brasil, incluindo o Instituto Federal da Paraíba (IFPB). Muito já se foi divulgado, porém, nem todas as pessoas têm as condições plenas para o acesso a essa informação, através da forma tradicional, em especial as pessoas com surdez.

Pensando nisso duas professoras do Campus Campina Grande do IFPB, Edneia de Oliveira Alves e Germana Silva de Oliveira, produziram um vídeo utilizando a Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS), para explicar a nova forma de ingresso ao ensino superior do IFPB, com a adesão ao ENEM, que substituiu o vestibular tradicional da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica.

As docentes que produziram o vídeo fazem parte do Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Especiais (NAPNE). O vídeo, além de abordar o novo ENEM, faz um resumo do curso de Tecnologia em Telemática, curso superior ofertado no Campus Campina Grande do IFPB. Ainda são explicados os procedimentos corretos para efetuar a inscrição do ENEM.

Para assistir ao vídeo, clique aqui.

Os interessados em fazer a inscrição do ENEM devem se apressar, pois o prazo está se esgotando, já que a data limite é 17 de julho, na próxima semana. As inscrições custam R$ 35 e devem ser feitas pela internet, através do site www.enem.inep.gov.br. As provas serão realizadas nos dias 3 e 4 de outubro.

Atualmente são ofertados 21 cursos superiores no IFPB, mas no próximo ano serão incluídos mais dois no Campus Sousa: Tecnologia em Alimentos e Licenciatura em Química, o que totalizará 23 cursos do nível superior, que podem ser visualizados aqui.
Em 2010 o IFPB, ainda, vai oferecer pelo menos 41 cursos técnicos e uma qualificação profissional, distribuídos nos nove campi espalhados pela Paraíba.

Daniel Chaves

CIRCULOS E SEMICIRCULOS - Por Misael Nóbrega de Sousa

Ando espiando os passos no chão de seixos a sombra do espectro do homem morto que caminha sem rumo na direção da partida de volta conhecida (ou desconhecida) é chaga é alma bandida transpiração em pingos os anos e medos acumulados são fardos pensamentos também árduos há perdas pelo percurso reviravoltas um desgosto o eixo gravitacional círculos e semicírculos vícios o ontem a deslembrança a resignação a esperança se esvaindo e a vontade de que tudo seja diferente o pecado presente o egocentrismo a vaidade a razão e a sensibilidade à flor da pele misto de loucura e por vezes esse mesmo lapso é a escapada vida pulso ar primavera alteração em todos os cantos um abraço de um pequeno milagre a frouxidão das lágrimas mais dor as perguntas ferem por que simplesmente não aceitar um urro de resistência um tardio instante de tolerância isolamento que frustra todavia que revigora não reprime liberta a comoção de si é a retaliação alheia é o descabido não se pode fugir do inimigo a lição é a única verdade vertente latente exacerbação quisera ser o espelho do pequeno que me deu o abraço e “o seu escudo e a sua fortaleza” e poder voar e na plenitude da existência ser comum não emendar não surtar apenas gozar o menor esforço do escafandro ser tampouco gigante e maravilhar-me e poder também parar ao invés de tão somente andar e não olhar o chão mas o horizonte e alcançar a igualdade no limite territorial do nunca onde o impossível se torna possível e a fronteira do céu e da terra fica bem atrás de minha casa no limiar da perfeição ossos peles escamas não são mais escoras não mais partes não mais aflições e ficam à margem para sempre esquecidas e cada vez mais longe de mim numa demonstração de maturação mesmo que demorada insisto no desejo de querer mudar mas persisto na dúvida de não saber escolher o revés ainda assombra e a noite chega para completar o cenário do mundo cego o escuro tapa a lua num eclipse sazonal o meu sentimento é lúgubre o meu entendimento é racional a minha perversidade é carnal o meu refluxo é um mal passageiro à deriva da condição existencial controle necessário para não beirar à demência no salto da morte uma platéia desinteressada o que se passa ao derredor da vida é a verdadeira inspiração e não se nota a presença de Deus pelo fato de que somos vãos pessoas medonhas raquíticas mesquinhas inventamos as chacotas para não perdermos a noção das coisas e brincamos de divindade criadores ou criaturas perguntamo-nos e alguns são tão estúpidos que se acham intermináveis meio que assim vivo colecionando coisas como se o hábito ajudasse a contar as histórias e servisse para melhorar o mundo lá fora na tentativa de ser diferente por dentro não suportamos quaisquer desonra sequer perdoamos ritualistas como autistas mendigamos o menor dos quereres numa relação infantil de retornar ao útero e isso é mais que uma desculpa um reflexo reação estranha pois é recorrente tratamos os nossos pares com desconfiança e o que poderia ser amor é apenas retraço de um desenho sem graça terminamos mais ou menos como começamos círculos e semicírculos vícios o ontem a deslembrança a resignação a esperança se esvaindo...

Professor e Jornalista

quinta-feira, 9 de julho de 2009

O VELHO - Por Misael Nóbrega de Sousa

O que pensa aquele velho depois de ter bebido (aos tragos) a própria vida? Sentado em sua pedra filosofal assistindo o tempo tirar lascas de seus últimos dias. Estrábico e descrente repousa às costas no banco frio. Não há companhia ao seu lado. Aliás, há muito que ninguém lhe nota. Como pesar os anos? Períodos alegres quase sempre subtraídos por dissabores. Na avenida que se segue doravante... A contramão da história. Nem a memória lhe é lícita. De cenário, uma igreja ao fundo. A catedral de sempre. Mansão de seus valores espirituais. A devoção de todos os seus. O linho branco é a vestimenta indispensável dos feriados. Artefato talhado de caimento impecável. Peça de arte de um alfaiate já falecido. E por falecimento, uma dúzia de amores. O olhar contempla a ausência. Não há nada que lhe abone um sorriso. Alheio a modernidade solfeja a conveniente caridade. Não liga para a sua volta. Não vê as coisas de então. Não sabe se há gente por perto. Um exílio interior de tudo que afora está morto. Não é desse mundo, aquele moço que degustou todas as épocas. É de uma outra encarnação. Os arranjos o acodem, mas ele parece que sossega no colo da idade. Não são sonhos. Talvez, aves agourentas a lhe sobrevoarem a cabeça. As indisposições viraram amigas e já não aborrecem mais. Os ecos da noite se ajuntam numa confluência de exageros. Todavia, aquela atividade ao derredor é também de repugnância. O que verdadeiramente é evolução? Simplifiquemos: quase tudo está sendo reinventado, pois não?. Como dono da vida, resolve sair. Porém, não há muitos lugares aonde ir. O velho ignora a mocidade, mas não há desdém – apenas leveza. E o que ele pensa, talvez só importe a ele mesmo. Nos passos trôpegos, sustenta-se um homem que um dia fora deste mundo. Quem sabe, a volta pra casa não seja a melhor escolha – Se é que ainda existam escolhas. Segue por ali um abecedário da vida, tal qual um livro aberto com todas as letras caindo. E sem querer, um mundo inteiro lhe abrindo caminho.
Jornalista e professor

Vídeos produzidos pela Petrobrás e Governo Municipal serão exibidos nesta sexta-feira em Taperoá

Os vídeos que foram produzidos por jovens taperoaenses entre os meses de abril e julho do ano passado, através do projeto Paraíba Cine Senhor numa parceria entre a Prefeitura Municipal e a Petrobrás, serão exibidos nesta sexta-feira, 10, no auditório da Universidade Aberta do Brasil (UFPb Virtual), localizada no bairro Alto de Nossa Senhora da Conceição, às 19h. O espaço conta com cerca de 120 lugares.

Taperoá foi uma das cinco cidades contempladas com oficinas de audiovisual que capacitaram os beneficiados com o Projeto, para realizarem eles próprios os trabalhos em vídeo.

Após as teorias sobre filmagens, os alunos pegaram as câmeras, organizaram as ideias e foram pôr em prática o que aprenderam nas aulas.

Nesta sexta-feira, 10, chegou a hora de conferir o resultado das gravações que, segundo um dos idealizadores do projeto, Orlando Júnior, de alguma forma resgatam histórias e personagens das cinco cidades onde o Paraíba Cine Senhor foi implantado.

“Foi um trabalho estafante, mais muito compensador quando se observa o resultado final obtido. Foram realizados 20 vídeos. As pessoas vão se ver na tela, isso é o mais importante”, disse Orlando.

A mostra dos vídeos começou na última quarta-feira, 08, na cidade de Cabaceiras e amanhã é a vez de os taperoaenses conferirem o fruto do trabalho que resultou no documento audiovisual.

Ao fim da apresentação do vídeo acontecerá um debate com os profissionais do projeto e o público poderá fazer perguntas.

São aguardas para o lançamento as presenças do prefeito Deoclécio Moura, de parlamentares, e de representantes de outros setores da sociedade local.

O evento tem entrada gratuita e é um bom programa para o final de semana na cidade de cultura conhecida dentro e fora do país.

Jandro Gomes

Projeto de Vital Filho altera Estatuto do Idoso para permitir aos idosos escolher foro de sua preferência

O Projeto de Lei 5119/09, do deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB), em análise na Câmara, estabelece que, em processos nos quais o autor ou o réu for idoso, o foro para julgamento da causa poderá ser diferente daquele de sua residência, quando isso facilitar a defesa de seus direitos. Ou seja, o idoso poderá escolher o foro de sua preferência.

A medida altera o Código de Processo Civil (Lei 5.869/73) e o Estatuto do Idoso (Lei 10.741/03). Atualmente, o Estatuto do Idoso determina que ações envolvendo idosos devem ser propostas em foro de seu domicílio. Vitalzinho argumenta que nem sempre essa é a melhor opção para o interessado.

Na sua avaliação, principalmente quando a ação versar sobre direito real sobre bem imóvel, o melhor é que o processo corra onde o bem está localizado, pela facilidade na produção de provas. Ainda de acordo com a proposta, quando julgar que a escolha do foro contraria os interesses do autor da ação ou réu idosos, o juiz responsável pelo processo poderá rejeitar essa opção.

Segundo Vitalzinho, apesar das inovações trazidas pelo Estatuto do Idoso, sobretudo no acesso à Justiça, têm sido tímidas as iniciativas do Poder Público direcionadas à efetivação e consolidação de seus direitos. “Essa verdade se confirma, por exemplo, pelo fato de nem mesmo uma dezena dos inúmeros tribunais existentes no País haver proposto a criação de varas judiciárias especializadas e exclusivas para o idoso”.

Ele lembra que a grande maioria dos cartórios e órgãos públicos descumpre a determinação de prioridade na tramitação de processos e procedimentos e na execução de atos e diligências judiciais quando a parte é pessoa idosa. “Em muitos casos o idoso se encontra em franca desvantagem na relação processual, pois não dispõe recursos para a contratação de advogado, por exemplo, e, quando obtém ajuda da Defensoria Pública, a assistência judiciária é prestada de modo precário e ineficiente”.

Vital cita como expressiva a carência econômica da população brasileira, colocando a situação do idoso como periclitante. “Se é notória a falta de estrutura do serviço público em geral, diga-se mais daqueles destinados à população idosa. Ao desempenhar as suas atribuições para resolver tais mazelas, o Poder Legislativo deve agir de modo a produzir leis que facilitem a assistência jurídica, simplifiquem os procedimentos processuais e assegurem a defesa de interesses e direitos específicos, em especial dos idosos”.

O projeto será analisado de forma conclusiva pelas comissões de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. “As modificações permitirão a fixação do foro mais favorável ao idoso, tanto para as ações que versem sobre direitos difusos, coletivos, homogêneos e individuais indisponíveis, quanto paras as ações sobre direitos disponíveis de duas espécies: os de cunho pessoal e os de natureza real sobre bens móveis”, afirma Vital.

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Vital defende conferência de votos na urna eletrônica: “Reforma Eleitoral vai valorizar os costumes políticos brasileiros”

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) afirmou, na tribuna da Câmara dos Deputados, que o Projeto de Lei 5.498/09, que trata da Reforma Eleitoral, deve ser recebido pelos parlamentares “como um passo a mais no rumo de uma legislação que valorize os costumes políticos brasileiros”. Ele defendeu a manutenção do Artigo 5º do Projeto, que trata do aperfeiçoamento do voto eletrônico no Brasil.

Vital falou da necessidade de eliminação de “riscos desnecessários que comprometam a eficiência do processo eleitoral brasileiro” e destacou que a experiência eleitoral do Brasil revela uma “necessidade de aperfeiçoamento do nosso processo eleitoral”. Para ele, o Brasil precisa se municiar de um ordenamento jurídico moderno e eficiente, ou seja, a Reforma Eleitoral, que é “um progresso da legislação política”.

Vitalzinho afirmou que uma eleição só pode ser segura e confiável se a administração humana do sistema eleitoral estiver preparada para conduzi-la e defendeu a conferência dos votos da urna eletrônica. “A fiscalização e a auditoria dos procedimentos nas eleições eletrônicas no Brasil precisam dar passos mais seguros na busca de procedimentos exatos, tanto do processo de votação, quanto no de totalização”.

Para ele, a necessidade de os partidos fiscalizarem o desenvolvimento e a utilização dos programas de automação eleitoral desenvolvidos pelo TSE exige um mecanismo de impressão dos votos para posterior auditagem. “Esse sistema não só evitará fraudes, mas também possíveis erros que venham a ocorrer nas urnas eletrônicas”.

Segundo Vital, a urna eletrônica proporcionou um método simples de votação a quem tinha dificuldade com as cédulas, com segredo absoluto, garantia do registro de todos os votos e eliminação de irregularidades por ignorância ou fraude. “Mas ainda há riscos que devem ser minimizados, para eliminar dúvidas sobre a segurança de sua utilização”. Ele defendeu a adoção de meios para fiscalizar as votações eletrônicas. “Os partidos têm o direito de fiscalizar o sistema de automação das eleições”, disse.

Ele disse que a credibilidade do sistema eleitoral é avalizada pela facilidade com que se pode fiscalizar o processo de votação e apuração. “A possibilidade de uma auditoria simplificada das votações por meio de uma amostragem estatística das urnas eliminará dúvidas e combinará as vantagens da agilidade da informática com a possibilidade de eventual verificação dos votos consignados eletronicamente”.

Vitalzinho finalizou o discurso afirmando que o sistema eletrônico de votação só ganha segurança se permitir a recontagem de votos em caso de suspeita de fraude. “Então, por honra do País, e por seu próprio interesse, rompa-se qualquer véu cibernético que sirva como empecilho ao princípio da transparência, tão caro ao correto trato da coisa pública”.

terça-feira, 7 de julho de 2009

Prefeito faz balanço do São João 2009 e anuncia novidades para a festa do próximo ano

O prefeito da cidade de Taperoá, Deoclécio Moura Filho, disse que está muito satisfeito com a repercussão da quinta edição do São João organizada por sua equipe sob seu comando desde o primeiro ano do mandato, em 2005.

Deoclécio Moura aproveitou também a ocasião para anunciar algumas novidades que pretende implantar no evento junino do ano que vem. Para isso, o gestor comentou que é de extrema importância que a população mantenha o apoio e a participação que tem feito nesses últimos cinco anos de governo.

Segundo o administrador, desde então, foi adquirida bastante experiência não apenas por ele e os profissionais com quem trabalha, mas com todos os moradores da cidade, que ainda, conforme opinião de Deoclécio, são pessoas muito competentes, e isso obviamente contribui para uma festa com qualidade e segurança como foi a desse ano.

O evento junino foi muito elogiado pelos veículos de comunicação que tem projeção em todo o Estado, como as emissoras de Correio, Tambaú e Cabo Branco, ambas com sede na capital paraibana, João Pessoa. O São João taperoaense foi transmitido por estes canais de TV e também pelos sites de notícias para toda a Paraíba, e no caso das páginas eletrônicas, para o mundo.

A satisfação do prefeito se justifica nos três pilares que fizeram da festa uma das melhores do cariri paraibano: tranquilidade, que visivelmente tornou o evento um dos mais seguros para se brincar no Estado e porque não dizer, em toda a região nordeste; cultura – a Gestão Municipal sempre permitiu oportunidades para bandas locais, e este ano não foi diferente, grupos que em sua maioria executam o autêntico ritmo nordestino, e também abriu as portas para o artesanato de qualidade confeccionado pelas mãos habilidosas de homens e mulheres taperoaenses; e por último, a receptividade afetuosa dos moradores da cidade que sempre recebem seus filhos que retornam, e àqueles que vem visitar o município e prestigiar os eventos promovidos pela Prefeitura.

“Eu vi gente aqui na praça que veio de Caruaru para brincar o São João em Taperoá porque para essas pessoas aqui a gente se diverte como se tivesse em casa. É muito tranquilo, e a organização está impecável, diziam os pernambucanos”, confidenciou Deoclécio.

Novidades para 2010 – para o ano que vem o prefeito adiantou que mexerá na estrutura da festa e promoverá mais espaço para o maior ritmo do Nordeste, ou seja, haverá uma maior abertura para bandas que tocam o forró autêntico.

O gestor taperoaense disse, ainda, que foi perceptível o agrado que o arrasta pé, o xote e o baião causaram este ano nas festas realizadas em praticamente todos as cidades do Estado e de seus vizinhos, como Pernambuco, por exemplo. Para se ter uma idéia de como o estilo ganhou o gosto popular, ele citou a cidade de Bananeiras, no brejo paraibano, que promove o São João com trilha sonora efetuada pela zabumba, triângulo e sanfona. Algo parecido ocorreu este ano em Caruaru que proibiu a apresentação de grupos musicais que tocam o chamado forró de plástico.

“O nosso objetivo é cada vez mais dar a merecida importância para a cultura não só de nossa região, mas em especial de nossa cidade, que tem conhecimento nacional através da literatura de nosso conterrâneo Ariano Suassuna, na música de José de Abdias e Fúba, na dança de Os Cariris, nos produtos de nossos artesãos e artesãs, na nossa comida típica, entre tantas outras coisas, e é exatamente isso que teremos no ano que vem, a valorização do que é nosso”, assegurou Deoclécio.

O prefeito foi enfático em dizer que a cultura como um todo será apreciada ainda mais no São João de 2010, e que vai ampliar a praça João Suasuna, para que assim seja garantida mais comodidade para as pessoas que forem curtir o evento.

Aulas de gastronomia estão no cardápio das novidades, e serão oferecidas com antecedência para as pessoas que montarão barracas, no ano que vem terão mais unidades, para que elas vendam alimentos com qualidade ainda maior para o público.

De acordo com o administrador, a nova estrutura que já está sendo trabalhada para o próximo ano, contará com uma decoração ainda melhor e com camarotes – a grande novidade para 2010.

O projeto que visa a ampliação do espaço da festa junina já teve, segundo Deoclécio, aprovação da PBTur.

Jandro Gomes

Comissão sobre Tribunais de Contas promove novo debate na tarde desta terça-feira

A comissão especial que analisa a proposta de criação do Conselho Nacional dos Tribunais de Contas (PEC 28/07) se reúne nesta terça-feira (7) para definir novas audiências públicas sobre o tema. A audiência será realizada no plenário 16, a partir das 14h30.

Segundo a PEC, de autoria do deputado Vital do Rego Filho (PMDB-PB), o Conselho Nacional dos Tribunais de Contas terá como função exercer o controle sobre a atuação dos tribunais de contas da União, dos estados e dos municípios.

No último dia 23, durante debate promovido pela comissão, o presidente do Tribunal de Contas do Rio de Janeiro manifestou apoio à proposta. Agora, o deputado Eduardo Valverde (PT-RO) quer ouvir os presidentes do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia e do Amazonas, representando a região norte do País.

Auditoria externa vai verificar movimentações

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), determinou ontem a contratação de "auditoria externa para verificar a regularidade da movimentação" de três contas ocultas da instituição reveladas ontem pela Folha. Elas têm saldo de R$ 160 milhões.A Comissão de Fiscalização e Controle do Senado pedirá hoje a Sarney que sejam fornecidos "todos os extratos da movimentação dessas contas desde sua abertura". Renato Casagrande (PSB-ES), presidente da comissão, disse que "é preciso saber se os recursos foram usados legalmente".

Agaciel Maia, ex-diretor-geral do Senado, tinha liberdade para movimentar as três contas sem ter de justificar seus atos.Em reunião ontem de manhã com aliados políticos, José Sarney deu ordem para que o atual diretor-geral do Senado, Haroldo Tajra, desse explicações rapidamente sobre o caso.Acuado politicamente, Sarney quis reagir com pressa para tentar demonstrar desvinculação com eventuais desmandos de Agaciel, nomeado diretor-geral do Senado três vezes pelo senador peemedebista.Em nota, Tajra disse que as contas não eram secretas, porque estão previstas no regulamento do Sistema Integrado de Saúde do Senado.

Afirmou, também, que elas não constam do Siafi (sistema federal de acompanhamento gastos públicos) porque seus fundos têm origem na contribuição de servidores do Senado para arcar com gastos de saúde -e não nos recursos orçamentários. Tajra, porém, não esclareceu por que as contas foram retiradas em 1997 da contabilidade oficial (e, com isso, do Siafi) por um ato da Mesa Diretora.Casagrande disse que "precisa ser apurada a responsabilidade política" dos senadores que deram aval a Agaciel para criar as contas paralelas. Na época, a Casa era presidida pelo senador baiano Antonio Carlos Magalhães do então PFL, hoje DEM.

O primeiro-secretário, encarregado de administrar o orçamento do Senado, era Ronaldo Cunha Lima, então no PMDB paraibano.ACM morreu em 2007. Procurado pela Folha anteontem, Cunha Lima, hoje no PSDB, não pôde dar explicações devido a problemas de saúde.O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), pediu apuração: "Fica cada vez mais evidente que essa gente, Agaciel, Zoghbi e cia., não pode ter feito isso sozinha. Deve ter envolvimento de senadores e ex-senadores." João Carlos Zoghbi, ex-diretor de Recursos Humanos, é investigado por irregularidades na sua gestão.

O líder do DEM na Casa, José Agripino Maia (RN), pediu "investigação urgente". O primeiro-vice-presidente, Marconi Perillo (PSDB-GO) declarou: "Se existem contas fantasmas ou secretas, isso terá de ser visto. Mas preciso ouvir a explicação de quem geriu as contas".

KENNEDY ALENCARLARISSA GUIMARÃES
DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

Vital Filho sugere ao Ministério da Defesa instalação de um Batalhão Ferroviário na Paraíba

O deputado federal Vital do Rego Filho (PMDB-PB) encaminhou Requerimento de Indicação nº 4260/2009 ao Ministério da Defesa sugerindo a instalação de um Batalhão Ferroviário no Estado da Paraíba. O objetivo, segundo o parlamentar, é implantar o “Ramal da Transnordestina”, que irá interligar o Porto de Cabedelo aos Portos de Pacém, no Ceará, Itaqui, no Maranhão e Suape, em Pernambuco.

Segundo Vitalzinho, o objetivo dessa indicação foi sugerir a intermediação do Ministério e do Comando do Exército para desenvolver estudos quanto à instalação do Batalhão, com vistas ao maior desenvolvimento econômico do estado, a partir da implantação do “Ramal da Transnordestina”.

Ele lembrou que o “Ramal da Transnordestina” é o meio mais apropriado para a interligação do Porto de Cabedelo, na Paraíba, aos Portos de Pacém no Estado Ceará, de Itaqui no Estado do Maranhão e ainda ao de Suape no Estado de Pernambuco.

“A ação desse órgão é de extrema importância para a concretização futura de tal empreendimento, aguardado pela população paraibana, que anseia pelo crescimento de sua produção econômica, passando pelo Porto de Cabedelo, cuja área de influência e abrangência está diretamente ligada aos estados de Pernambuco e Rio Grande do Norte”, afirmou Vital Filho.

De acordo com Vitalzinho, a integração do Porto de Cabedelo aos de Pacém, do Ceará, Itaqui, do Maranhão e Suape, de Pernambuco, elevará a capacidade de escoamento da produção nessas localidades e benefíciará toda a Região Nordeste.

O Requerimento de Indicação nº 4260/2009 foi encaminhado por meio do Ofício da Primeira Secretaria, nº 1162/2009, à Ministra Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Dilma Rousseff, para ser enviado ao Ministério da Defesa.